Calvície – O que é, quais as causas e quais opções de tratamento?

Calvície – O que é, quais as causas e quais opções de tratamento?

A calvície é um problema de saúde frequente, que causa forte impacto na autoestima, já que modifica a imagem do rosto. Como os cabelos costumam ser considerados a moldura da face, a queda tende a causar impactos negativos nas mulheres e também nos homens. Explicamos agora o que você precisa saber a respeito da calvície, suas principais causas, as diferenças entre a calvície masculina e feminina e também falaremos dos tratamentos disponíveis. Confira abaixo e ótima leitura!

O que é calvície?

A calvície, conhecida pelo nome técnico de alopecia androgenética (AAG), é uma das principais causas de perda de cabelo, atingindo tanto homens quanto mulheres, mesmo que sua ocorrência no gênero feminino seja menor, é possível que mulheres sejam diagnosticadas com alopecia androgenética também.

Existem algumas teorias a respeito das causas genéticas da calvície, sendo predominante no gênero masculino. Vale lembrar que fatores externos também influenciam na queda de cabelo. Por mais que a calvície não cause danos diretos à saúde, consistindo seu maior impacto na autoestima, ela pode ser causada por problemas de saúde, como disfunções hormonais, dentre outros fatores que exigem diagnóstico mais aprofundado.

Além de variar de pessoa para pessoa, também é possível que os fatores de queda estejam relacionados à rotina, às atividades físicas praticadas e ao uso de determinados produtos e medicamentos.

Quais são as principais causas da calvície?

Para entender quais são as principais causas da calvície, é importante conhecer os tipos de calvície mais comuns, como a alopecia androgenética, conhecendo os fatores que podem ocasionar a queda e quais os melhores tipos de tratamento, por isso o diagnóstico médico é fundamental para a escolha do tratamento mais adequado.

Dentre as principais causas de calvície, é possível destacar a hereditariedade e os hormônios masculinos, sendo que ambos promovem a atrofia dos bulbos (folículos) capilares, acelerando a queda definitiva dos cabelos.

Também vale destacar que muitas vezes a queda de cabelo pode ser causada ou acelerada pelo excesso de oleosidade capilar, como nos casos de dermatite seborreica, utilização de produtos químicos, má alimentação e carência de vitaminas, estresse, alguns tipos de medicamento e também distúrbios da tireoide.

Quais as diferenças entre a calvície masculina e feminina?

A calvície pode atingir tanto homens quanto mulheres, como já dissemos, mas as causas e as abordagens médicas podem variar, já que dependem de diversos fatores, especialmente hormonais.

Nos homens, os primeiros sinais da calvície começam a aparecer geralmente entre os 17 e 23 anos, quando os cabelos costumam cair de forma contínua e persistente. Em geral, ela se inicia perto da testa (as famosas “entradas”) e na maioria dos casos o cabelo continua caindo até tomar conta de toda a área superior da cabeça.

Já nas mulheres, os hormônios femininos costumam proteger a queda de cabelos e a calvície, sendo por isso mais comuns os casos após a menopausa, quando as mulheres com predisposição genética acabam por apresentar queda anormal de cabelos, fazendo com que os fios fiquem finos e, nos casos mais avançados, o couro cabeludo se torne visível.

Quais os principais tratamentos disponíveis para a calvície?

Entendido melhor o que é a calvície e quais são as suas principais causas, é interessante também compreender quais são os principais tratamentos disponíveis. Vale destacar que essa terapêutica deve ser recomendada pelo médico, após análise do problema e verificação dos fatores que causam a calvície, também sobre a abordagem que apresenta melhor resultado.

Atualmente, existem dois tipos principais de tratamentos para a calvície: os tratamentos medicamentosos, com o uso de produtos tópicos como minoxidil e finasterida e também o transplante capilar.

O é minoxidil?

Bastante conhecido por aqueles que buscam tratamento para a calvície, o Minoxidil é uma substância vasodilatadora apresentada sob a forma de loção, de uso tópico, que auxilia no bloqueio da ação dos derivados da testosterona que atuam no bulbo capilar, além de estimular o aumento de circulação do couro cabeludo. Com isso, ocorre uma maior circulação de sangue local, nutrindo de forma mais efetiva os fios que estavam com deficiência de nutrição.

 

O que é finasterida?

 

Já a finasterida age de outra forma, bloqueando os receptores hormonais de testosterona, com isso reduzindo de forma localizada o efeito indesejado desse hormônio na região capilar, a queda.

O que é transplante capilar?

Os avanços tecnológicos permitiram inovações nos tratamentos disponibilizadas. Uma delas é o transplante capilar, muito útil em casos de calvície mais avançados, é aplicada uma técnica de tratamento cirúrgico onde os bulbos capilares são removidos de regiões onde há folículos saudáveis, geralmente na parte traseira e nas laterais da cabeça, sendo posteriormente implantados na área onde o cabelo não está mais presente

Como é possível perceber, existem um grande número de motivos que podem levar à calvície, sendo necessário buscar atendimento médico especializado para identificar quais as causas da queda capilar e o melhor tratamento para o problema.

Além disso, é importante ficar atento à oferta de produtos e soluções milagrosas, que prometem resolver o problema da queda capilar ou mesmo da calvície de forma rápida, barata ou com resultados que vão além do possível.

E então, o que você achou de saber mais a respeito da calvície, de suas principais causas, das diferenças entre a calvície masculina e feminina e também sobre os principais tratamentos? Se você gostou ou ficou com alguma dúvida, nos acompanhe nas redes sociais pelo Facebook e Instagram. Conte conosco!

 

Comentar

Seu e-mail não será divulgado