Tratamento capilar. O que é, como funciona, quais as opções disponíveis e para quem é recomendado.

Tratamento capilar. O que é, como funciona, quais as opções disponíveis e para quem é recomendado.

Uma das queixas  comuns, em pacientes de ambos os sexos, a queda de cabelo pode provocar um forte impacto na autoestima e na autoimagem,  também podendo indicar outros problemas de saúde, podemos avaliar isso através da adoção de um tratamento de restauração capilar.

Considerados por muitos como uma das partes importantes da estética facial, os cabelos são importantes para a percepção pessoal, sendo que a queda destes pode ser desconfortável e causar danos psicológicos consideráveis, sendo importante a busca por tratamentos que lidem com esse problema.

Explicamos agora o que é o tratamento de restauração capilar, qual funcionamento, explicamos alguns dos tratamentos disponíveis atualmente e também falamos quando e para quem ele é recomendado. Confira mais detalhes abaixo e ótima leitura!

Entenda agora o que é o tratamento de restauração capilar

Quando falamos do tratamento de restauração capilar, estamos falando dos procedimentos utilizados para fazer com que áreas atingidas por queda de cabelo voltem a ter crescimento.Sendo importantes áreas novas para tratar casos  onde a queda capilar impacta na autoestima, devolvendo ao paciente mais segurança e confiança em sua imagem.

Por conta das diversas abordagens clínicas existentes para o tratamento da queda capilar, o tratamento de restauração capilar também é chamado por uma série de nomes, como implante capilar, transplante capilar, transplante de cabelo ou mesmo transplante de unidades foliculares.

Em resumo, o tratamento de restauração capilar consiste nos processos em que existe a transferência de raízes capilares de uma região do couro cabeludo, onde não há queda de fios, para o local onde o cabelo está caindo ou já caiu, passando a crescer na região afetada e dando visual mais natural para o paciente.

Veja quais são os tratamentos disponíveis para a restauração capilar e como funcionam

A abordagem médica para o tratamento de restauração capilar varia de acordo com a necessidade do paciente, seu quadro clínico, idade, gênero e também suas expectativas com relação ao resultado, sendo que alguns casos podemos associar o uso de medicação específica, uso de loções ou outros tipos de produtos para complementar o transplante.

No caso do implante capilar, o procedimento é realizado por médico especializado, que irá identificar quais técnicas são as mais recomendadas. Explicamos abaixo como é o procedimento padrão. Confira:

  1. O primeiro passo para o tratamento de restauração capilar consiste na remoção dos folículos capilares(fios) da região doadora, tendo em vista que o tratamento é feito com os cabelos da própria pessoa. Em geral, as regiões doadoras são a nuca e as laterais da cabeça, que costumam ter fios mais fortes e saudáveis mesmo em pacientes com quadro de queda capilar acentuada.
  2. Em seguida é feita a implantação das raízes capilares nas áreas receptoras, com o auxílio de equipe multidisciplinar e apoio de equipamento específico, visando garantir a segurança do paciente e o sucesso do procedimento.
  3. Por fim, o paciente é orientado a respeito dos cuidados necessários após a realização do tratamento de restauração capilar.Na técnica de extração de unidade folicular (FUE), o tempo de recuperação é breve e com menos restrições após o procedimento.

Vale destacar que esse tipo de tratamento deve ser realizado por médico especialista, já com suporte de equipe multidisciplinar,otimizados para que sejam obtidos os resultados esperados pelo paciente.

Entenda para quem é recomendado o tratamento de restauração capilar

Quando falamos de tratamentos de restauração capilares, é importante destacar que existem situações onde o problema da queda de cabelo está relacionada a outras questões e condições de saúde e, por isso, a indicação do tratamento de restauração capilar depende de uma série de fatores, dentre eles a idade do paciente, a análise do quadro clínico que levou a perda de cabelo, o estudo de características genéticas e de hábitos que possam acentuar a queda capilar

Levando os fatores acima em consideração e compreendendo a importância desde tratamento para a melhora da autoestima dos pacientes é fundamental que esses procedimentos sejam realizados por profissionais capacitados, após avaliação cuidadosa do médico especialista, que irá determinar qual a melhor abordagem .

O que você achou sobre saber mais a respeito do tratamento de restauração capilar, de entender como ele funciona, quais os tipos de tratamentos disponíveis e também para quem é recomendada a realização desse tipo de tratamento? Se você ficou com alguma dúvida ou deseja se manter informado, deixe seu comentário abaixo. Conte conosco!

Comentar

Seu e-mail não será divulgado